Nem só de pão

“E disse-lhe o diabo: Se tu és o Filho de Deus, dize a esta pedra que se transforme em pão. E Jesus lhe respondeu, dizendo: Está escrito que nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra de Deus. (Lucas 4:1-4)”

Nessa passagem vimos uma prova que Jesus é realmente o Filho de Deus, capaz de vencer o diabo e todas as suas tentações. Não é possível provar a verdadeira obediência de alguém sem que ela tenha a oportunidade de desobedecer, sempre que temos convicção de algo, de uma posição ou pensamento, devemos sofrer toda e qualquer pressão para manter acesa a nossa Fé,  não nos deixando ser vencidos, lembrando que Fé significa “o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não veem” (Hebreus 11:1).

O diabo tentou Eva e Jesus; o diabo é um anjo caído, embora pareça que não, ele existe, não é fruto de imaginação. O diabo sempre estará lutando para destruir sua fé em Cristo, e usará suas tentações para afastar você da salvação. As artimanhas de satanás são constantes na vida daquele que segue a Jesus e obedece os mandamentos do Pai. Sempre que vier em sua mente um pensamento te levando a desistir de obedecer a Deus, querendo assim te desviar dos caminhos do entendimento da palavra, pare para pensar que Jesus tem propósitos na sua vida e quer te usar para ganhar vidas para o seu reino. Você é um dos escolhidos sobre a terra para apascentar ovelhas perdidas e levá-las a casa do Pai. O diabo estava tentando Jesus buscando levá-lo a desistir de seu ministério que se findou com sua morte para o bem de todos que amam a Deus. Geralmente somos tentados nas dúvidas, nas fraquezas, no emocional, e tudo isso se dá quando não estamos nos alimentando diariamente com a palavra de Deus.

Precisamos ser cheios do Espírito Santo, para isso devemos beber da água viva todos os dias, não temos que dizer para pedra virar pão, e sim repetir para o nosso coração que o pão é a palavra, a bíblia sagrada. Só poderemos viver eternamente mediante a confiança nas promessas de Deus, que disse por intermédio do seu Filho que todo aquele que crer será salvo. Quantas vezes estamos com fome e sede espiritual e nada fazemos? É preciso saciar essa fome, o Apóstolo Paulo nos lembra do êxodo do povo de Israel, em sua carta (I Coríntios 10:3-4) “E todos comeram de uma mesma comida espiritual, “E beberam todos de uma mesma bebida espiritual, porque bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo”, eles realmente se alimentaram e beberam, embora tenha sido alimento de verdade o significado do milagre foi espiritual. Um ponto que precisamos entender é que Jesus conhecia as Escrituras, aquele que lê a palavra, medita nela e faz uma reflexão com atenção e objetivo estará preparado para vencer as tentações diárias.

Vivemos um tempo onde o diabo tem atacado os pensamentos, trazendo fantasias, ilusões e desejos materiais de uma forma astuciosa e suave, e muitos tem caído em suas armadilhas e se tornado reféns do seu mal e suas consequências De onde vem o pão que você tem se alimentado? De que fonte você tem saciado sua sede? Obedecer a Deus é princípio inegociável para que sejamos usados em seu reino e assim alcançarmos sua aprovação. Seremos tentados sim, armadilhas apareceram em nossos caminhos? Com certeza. Mais há um Deus que é único, que enviou seu Filho Jesus por amor de nós, e Ele quer te ajudar a se livrar das armadilhas do inimigo. Assim diz a palavra “E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus” (Romanos 12:2), precisamos renovar nossa mente com através do entendimento da palavra de Deus, só assim nos desviaremos dos costumes mundanos que nos cercam de forma vitoriosa e não passageira. Amados irmãos, que nossa meta seja ter a mente de Cristo, como está escrito: “Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo” (I Coríntios 2:16b).

Meditemos nas palavras sábias do nosso irmão Paulo, “Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus. Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus. As quais também falamos, não com palavras de sabedoria humana, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais. Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido. Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo” (I Coríntios 2:11-16).

As tentações podem bater a sua porta, mais lembre-se que está escrito: “Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar (1 Coríntios 10:13)”, o diabo age em nosso pensamento, se permitirmos que esse mal pensamento se torne em ação, iremos pecar, pecando nos enfraquecemos, enfraquecendo somos presos, e uma vez presos, nos tornamos reféns do erro que nos desvia da conduta correta e nos levará a se afastar da intimidade com o Pai. Você pode até ser tentado, mais derrotado jamais, pois todo aquele que crê em Jesus como salvador tem em si a marca da vitória. Você que caminha na palavra e crê em Cristo como único Senhor e Salvador de sua vida é um vitorioso nato, fracasso não é derrota, e sim uma maneira de se levantar mais forte, e com estratégias mais eficazes para vencer todo mal. Dedico esse artigo a todo aquele que embora seja tentado, não se entrega as tentações de forma passiva e imediata, e a todos os que embora são tentados, porém jamais vencidos por meio de Cristo Jesus.

Com amor da parte do Pai e Cristo Jesus Pregador Maurio Maciel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *